Milium/Siringoma/Xantelasma

Milium

O Milium é um motivo frequente pelo qual o paciente procura o dermatologista. Trata-se de um pequeno cisto formado por acúmulo de queratina. Na maioria das vezes são superficiais. São caracterizados por lesões esféricas, de cor branca, geralmente móveis, indolores, de consistência elástica ou endurecida. Podem variar de pequenos cistos (menores de 1cm) até lesões com vários centímetros de tamanho. Geralmente, são localizados na face, especialmente ao redor dos olhos. O tratamento, em geral, não é necessário, já que são lesões totalmente benignas. Quando desejado, é feito por motivos estéticos, consiste na retirada com agulhas por profissionais capacitados. Medicamentos tópicos e cauterização também podem ser utilizados nos casos em que há muitas lesões.

Siringoma 

É um tumor anexial benigno, caracterizado pelo surgimento de pápulas da cor da pele (geralmente múltiplas), que não apresentam sintomas, com localização mais comum em pálpebras. O diagnóstico é clínico e o principal motivo do tratamento é por estética. Existem diversas técnicas, tais como: eletro cauterização, lasers ou remoção cirúrgica, sendo a última a mais utilizada.  

Xantelasma

Xantelasmas são caracterizados por placas amareladas nas pálpebras, muitas das vezes associados às dislipidemias (aumento dos níveis de colesterol e LDL). É relativamente comum e afeta principalmente adultos. Os xantelasmas podem ser tratados por meio de cirurgia da pele, com remoção e sutura sob anestesia local, mas também com técnicas destrutivas, usando ácidos, laser ou eletrocoagulação.

Dra. Camila Coutinho
Tratamento de Milium/Siringoma/Xantelasma em Belo Horizonte

Saiba mais sobre Melasma