Câncer de Pele

O câncer da pele responde por 33% de todos os diagnósticos desta doença no Brasil. Além disso, o Instituto Nacional do Câncer (INCA) registra, a cada ano, cerca de 180 mil novos casos. Existem três tipos de câncer de pele, o carcinoma basocelular (CBC) e o carcinoma espinocelular (CEC), denominados câncer de pele do tipo não melanoma, estes sendo os mais frequentes. Já o melanoma, é o tipo de câncer de pele mais raro, entretanto possui alta mortalidade, devido a agressividade da doença.

Para auxiliar na identificação dos sinais perigosos de um câncer de pele, basta seguir a regra do ABCDE.

Sinais de suspeita de malignidade:
A= Assimetria
B= Bordas irregulares
C= Duas cores ou mais
D = Diâmetro superior a 6 mm
E = Evolução (se a lesão cresceu repentinamente em pouco tempo, ou houve mudança de cor)

Mas, em caso de sinais suspeitos, procure sempre um dermatologista. Nenhum exame caseiro substitui a consulta e a avaliação médica. O diagnóstico precoce evita grandes intervenções cirúrgicas e salva vidas.

Dra. Camila Coutinho
Tratamento de Câncer de Pele em Belo Horizonte

Saiba mais sobre Milium/Siringoma/Xantelasma